28 de abril de 2017

16 coisas que aprendi em 16 anos


Há pouco tempo fiz 16 anos, e decidi compilar uma lista das dezasseis experiências pessoais que me fizeram tirar as minhas próprias conclusões sobre certas surpresas que, por vezes, a vida nos dá (ou tira). Ah, sim, dei-me ao trabalho de escrevê-las pela ordem que as aprendi, ou seja, todos os pontos formam uma espécie de linha temporal.

1- Escutem a opinião dos outros. São muitos os que ouvem, mas raros os que escutam. Aprendam a escutar as diferentes opiniões de cada um e respeitem-nas sempre, mas não tenham medo de discutir se a opinião dos outros for baseada em argumentos completamente vazios.

2- Se alguém disser que vai pensar se vai voltar a ser vosso amigo ou não, esqueçam. Não corram atrás. Deixem ir. Especialmente quando a culpa não é vossa. Sei que dói ouvir coisas destas, mas por vezes são necessárias para nos abrir os olhos e fazer crescer.

3- Tentem sempre fazer melhor. Chuva (e uma ou outra caganita de pássaro) são as únicas coisas que caem do céu, o resto está nas vossas mãos. Por isso estudem, pratiquem, apliquem-se, e quando quiserem desistir, lembrem-se do porquê de terem começado.

4- Palavras magoam. São mais afiadas que facas, e rasgam a alma. No entanto, com o tempo todas elas acabam por desvanecer, e apesar do tempo não apagar o que sentimos quando nos disseram alguma coisa, vai fazer com que aprendamos a aceitar as coisas como elas foram.

5- Os vossos pais vão sempre adivinhar quem são os vossos falsos amigos. Muito antes de vocês. Pela minha experiência, quando ainda estamos naquela fase meio "ilusória", já os vossos pais detetaram a milhas quem é que vos vai desapontar. Prestem atenção a isso.

6- As pessoas crescem e mudam. E muitas vezes acabam por se tornar nas pessoas que disseram que nunca seriam. E com isso eu aprendi que as pessoas a quem um dia chamámos de melhores amigos podem virar meros estranhos.

7- O verão é a melhor altura do ano para fazer uma mudança. Não estou a dizer que os outros dias não o são. Mas acho que toda a gente já se apercebeu que o verão dá uma vibe diferente à vida. Não vale vir com conversas de que a única vibe que o verão vos traz é a da preguiça ahaha

8- Mudanças radicais são importantes. Especialmente se forem súbitas, se vos der na gana, sem terem pensado no assunto antes. Chegar a casa, pegar numa tesoura e cortar o cabelo (por acaso alguém se lembra de quando eu vos contei essa história? ahaha) por vezes pode ter um resultado desastroso, e aí aprendem a não repetir o erro. Mas por outro lado, podem acabar por se surpreender.

9- O vosso gosto musical é o vosso melhor amigo. Tenham a certeza de que ele é bom e que não vos enche os ouvidos com palavras ocas.

10- Os rapazes não são todos iguais. Nem as raparigas. Todas as pessoas têm as suas diferenças. Há gajos que são estúpidos e que muitas vezes nos deixam na merda, mas também há outros que têm a capacidade de nos fazer sorrir e melhorar os nossos dias, seja ou não o vosso namorado. O mesmo se aplica às raparigas.

11- Deixem o orgulho de lado. Sempre fui muito orgulhosa e ainda sou, mas aos poucos aprendi a lidar melhor com isso e a demonstrar o meu arrependimento perante certas situações.

12- As coisas podem sempre ser piores. Por muito má que seja uma determinada situação, ela pode sempre piorar. A Lei de Murphy não dá tréguas.

13- Uma festa nunca matou ninguém. Por isso, não é preciso ter medo de ir a uma. Nunca se sabe o que pode acontecer no frio da noite. No entanto, se decidirem não ir, é na boa, porque deixem-me ser muito honesta e dizer-vos, ninguém quer realmente saber.

14- Não insistam no que não vale a pena. Defendo a teoria de que apenas devem desistir quando não há nada que vos prenda a determinada pessoa ou situação. Se for preciso, bloqueiem o número dele/dela e relaxem.

15- Rodeiem-se de arte. E passo a citar a Rainbow Rowell, "A arte não é suposto ser agradável, é suposto fazer-te sentir algo". Ou seja, seja a música mexida ou triste, apenas escuta e deixa-te levar. Perde a noção do tempo enquanto desenhas, ou escreves, ou fazes o que quer que seja que queiras fazer. Apenas faz a tua arte, à tua maneira e entretém-te.

16- Deitem tudo cá para fora. Irritem-se e zanguem-se, todos temos esse direito. Não vale a pena engolirem o que vos dizem ou fazem, para depois passar uma noite sem dormir pensando no assunto.

Claro que o universo está em constante movimento, assim como nós. Muitas coisas vão continuar a mudar. E espero daqui a uns anos poder voltar a escrever um post deste género. I love you all to Saturn and back. 

3 comentários:

  1. Respostas
    1. Levaram o seu tempo, mas serviram para alguma coisa. :D Obrigada pelo comentário <3

      Eliminar
  2. Best home remedies to reduce/stop hair loss completely naturally and quickly.
    hair fall control

    ResponderEliminar

Façam-me chegar as vossas ideias e opiniões na caixa de comentários! Muito obrigado por gastarem um pouco do vosso tempo a comentarem o que escrevo, isso significa muito para mim! I love you all to Saturn and back ♥